7 de dez de 2016

Mulher do ex-governador Sérgio Cabral (PMDB-RJ) recebia até R$ 300 mil de propina em escritório, segundo MPF

Foto: reprodução

Investigadores relatam em denúncia que a advogada Adriana Ancelmo recebeu emissário 19 vezes entre 2014 e 2015. Pagamentos eram levados em uma mochila para escritório de advocacia no Rio. Leia matéria completa.


 - - - - - - 

Resultado de imagem para Monetizze