28 de mai de 2015

Airbus vai produzir equipamentos de segurança pública em Porto Alegre/RS



O projeto denominado Cidade Segura, que depois deverá evoluir para Cidade Inteligente, será o primeiro passo da cooperação estratégica firmada pela multinacional francesa Airbus com o governo do Rio Grande do Sul na área de segurança pública. Reconhecida pela fabricação de aviões e helicópteros, a Airbus planeja instalar em Porto Alegre uma unidade de produção de equipamentos de videomonitoramento, com investimento que poderá ultrapassar R$ 150 milhões. O local escolhido é o 4º Distrito, na região central, e o início das operações é previsto para 2016. 


A confirmação foi anunciada nesta quarta-feira (27), em Paris, onde o governador José Ivo Sartori lidera uma missão governamental. Para dispor da estrutura tecnológica necessária, o grupo francês pretende se associar a universidades e empresas de tecnologia do Rio Grande do Sul na montagem de um centro de desenvolvimento. Mais adiante, o plano de cooperação deverá abranger as 50 maiores cidades do Rio Grande do Sul, com possibilidade de se estender para todo o Estado. 

Ao sair de encontro com representantes da Airbus, Sartori disse que a parceria que está se consolidando traz uma visão de resultados para o futuro. Destacou a experiência do grupo em questões de segurança de fronteira, o que é relevante para o trabalho a ser realizado aqui. Afirmou que em breve deve ocorrer uma nova reunião, em Porto Alegre, para acerto de detalhamentos entre todos os organismos envolvidos no projeto. "É um conceito novo de planejamento, com base na agregação, em que se juntam Estado, prefeitura, governo federal, universidades, parques tecnológicos e empresas locais", acrescentou. 

No dia 8 de maio, em visita ao governador no Palácio Piratini, executivos da Airbus disseram que a opção por Porto Alegre foi motivada, entre outros fatores, pela infraestrutura da cidade em processamento de dados, com infovias distribuídas em todas as regiões. Também favoreceu a decisão a possibilidade de contar com os parques tecnológicos TecnoPuc, na Capital, e TecnoSinos,em São Leopoldo, além do Centro Integrado de Comando (Ceic), da prefeitura, e o Centro de Operações da Brigada Militar. 

Líder mundial em serviços aeroespaciais e de defesa, a Airbus detém uma rede de mais de 138 mil colaboradores. O grupo é formado por Airbus, Airbus Defence and Space e Airbus Helicopters. Em 2014, obteve receita em torno de 60,7 bilhões de euros. 

Acompanham o governador José Ivo Sartori em Paris o chefe da Casa Civil, Márcio Biolchi, a presidente do Badesul, Susana Kakuta, e o deputado estadual Gabriel Souza, representando a Assembleia Legislativa. Também estão na comitiva o prefeito de Porto Alegre, José Fortunati, e o secretário municipal da Fazenda, Jorge Luís Tonetto. 


Texto: Gabriela Alcantara 
Fotos: Luiz Chaves