2 de jun de 2014

Rei Juan Carlos da Espanha abdica ao trono em favor do filho, Felipe de Borbón.

Rei Juan Carlos da Espanha abdica após 39 anos no trono CRISTINA QUICLER/AFP
Rei Juan Carlos abdica do trono em favor do filho, Felipe de Borbón. Foto Cristina Quicler/AFP


O rei Juan Carlos I da Espanha decidiu abdicar em favor do filho, o príncipe Felipe de Borbón, anunciou nesta segunda-feira o chefe de governo espanhol, Mariano Rajoy. O monarca, de 76 anos, mostrou "sua vontade de renunciar ao trono e abrir o processo sucessório", disse Rajoy em uma declaração institucional.
A razão pela qual o rei decidiu abdicar a favor do filho "é algo que Sua Majestade deseja comunicar pessoalmente a todos os espanhóis ao longo desta manhã".
— Vi o rei convencido de que este é o melhor momento para que possa acontecer, com toda normalidade, a mudança na chefia de Estado e a transmissão da coroa ao príncipe Felipe, que reinará como Felipe VI — completou Rajoy.

 
Em foto de 1962, príncipe Juan Carlos da Espanha e sua esposa, princesa Sophia da Grécia, em Atenas, durante seu casamento
Foto: AFP

Rajoy prestou homenagem ao rei ao afirmar que "renuncia ao trono uma figura histórica tão estreitamente vinculada à democracia espanhola que não é possível entender uma sem a outra".
— A todos nos deixa uma enorme dívida de gratidão — acrescentou o primeiro-ministro espanhol, antes de informar que na terça-feira um conselho de ministros extraordinário se reunirá para tratar do processo de sucessão.
Juan Carlos assumiu o trono em 22 de novembro de 1975, apenas dois dias depois da morte do ditador Francisco Franco, que o havia nomeado seu sucessor. Muito popular, especialmente após a oposição a uma tentativa de golpe de Estado em 23 de fevereiro de 1981, a aceitação do monarca entre os espanhóis caiu nos últimos anos após uma série de escândalos.
Créditos Zero Hora / AFP





- - - - - - -
Conheça as páginas do Blog do Capitão Fernando:







Curta nossa página no Facebook:


Siga-me no twitter clicando aqui.


Colabore com o Blog do Capitão Fernando