31 de mai de 2014

Subcomissão da Câmara dos Deputados vai acompanhar política salarial das Forças Armadas. Notícia analisada.

defesa
Neoliberais que nos deixaram 8 anos sem aumento, agora falam em política salarial para as FFAA.



O deputado Izalci (PSDB/DF) será o relator da Subcomissão Especial que acompanhará a política salarial dos militares, instalada nesta terça-feira (27) pela Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional (CREDN). Segundo Izalci, os deputados irão acompanhar todas as negociações sobre os salários dos militares da ativa e inativos.
Para o presidente da CREDN, deputado Eduardo Barbosa (PSDB/MG), “as Forças Armadas possuem um patrimônio de altíssimo nível que são os seus integrantes. Se discutimos os projetos estratégicos e o orçamento para que tenham condições operacionais, não podemos negligenciar naquele que é o mais relevante, que são os recursos humanos especializados”. 
O relator, deputado Izalci acrescentou que “as remunerações não são compatíveis com o nível de exigência e de dedicação que a carreira militar requer.” A Subcomissão será presidida pelo  O deputado Vítor Paulo (PRB-RJ) e terá  Nelson Marquezelli (PTB-SP) como vice. Créditos Dep Izalci

Notícia analisada:
Contradição dentro do PSDB, que junto com o governo Itamar, da qual foi parte, bem como nos anos de FHC nos deixaram 8 anos sem aumento salarial.
Agora, às vésperas da eleição, o rpesidente da Comissão de Defesa Nacional, que é do PSDB, intituiu uma subcomissão para tratar de algo que, por culpa deles, criou um grande problema para a Familia Militar Brasileira.

Fora FHC e 8 anos sem aumento.
Fora Aecio Neves e toda a sua troop neoliberal.