4 de mai de 2015

Senador italiano pede que governo da Itália revogue extradição de Pizzolato

Dez dias após o governo da Itália autorizar a extradição de Henrique Pizzolato, o senador italiano Carlo Giovanardi solicitou ao Ministério da Justiça da Itália que revogue a decisão de extraditar o ex-dirigente do Banco do Brasil, condenado no processo do mensalão do PT. Segundo a agência italiana Ansa, Giovanardi relatou que Pizzolato "prefere morrer a descontar a pena por anos em uma penitenciária do Brasil". Leia matéria