11 de mar de 2015

EX-PRESIDENTE DA PETROBRAS, SÉRGIO GABRIELLI ALERTA: LAVA JATO TRAZ RISCO SISTÊMICO


:

Num artigo denso, José Sergio Gabrielli, ex-presidente da Petrobras, afirma o que está em jogo com o ataque à Petrobras, propiciado pela Operação Lava Jato; "há um risco sistêmico para a economia brasileira em razão da paralisia e inoperância dos principais fornecedores da cadeia produtiva da estatal – em destaque o risco de default das maiores empreiteiras brasileiras – e da contaminação do sistema financeiro, uma vez que a maioria das construtoras operava alavancada por empréstimos", diz ele; "Se a roda parar de girar, o sistema cai. A crise aberta na Petrobras pode ser a versão brasileira dos subprimes norte-americanos de 2008"; Gabrielli afirma que a política de produção de petróleo e de conteúdo nacional enfrenta opositores desde Getúlio Vargas; ele lembra ainda que, durante o governo Fernando Henrique, a empresa registrou lucro líquido médio de R$ 4,2 bilhões por ano; "nos governos Lula e Dilma, a média anual passou para R$ 25,6 bilhões". Leia matéria.