4 de dez de 2014

Após maratona, Congresso aprova nova meta fiscal


 

Numa sessão que durou mais de 18 horas, o Congresso Nacional aprovou no fim da madrugada o projeto de lei que altera a Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2014, permitindo a revisão da meta de resultado fiscal deste ano; foram 240 votos a favor, na Câmara, e 39 no Senado; com as galerias fechadas, desta vez não houve baderna, mas o Congresso foi visitado por personagens pitorescos, como o cantor Lobão, que tentou liderar um movimento popular contra a votação; tucanos falavam em "crime de responsabilidade". Leia mais: http://goo.gl/jRzIdr