2 de abr de 2014

Vanessa é a vencedora do Big Brother Brasil 14. Por ela, o namoro com Clara continua!


Vanessa é a vencedora do Big Brother Brasil 14 TV Globo/Reprodução

Com 53% dos votos, a participante Vanessa Mesquita venceu a 14ª edição do Big Brother Brasil, levando R$ 1,5 milhão para casa. O apresentador Pedro Bial anunciou a campeã no programa desta terça-feira (1/4). Angela ficou em segundo lugar, e Clara em terceiro.
Desta vez, Bial deu a notícia de uma maneira diferente. Como era aniversário de Vanessa, ele cantou parabéns para a campeã, acompanhado pela plateia.
O trio feminino foi o responsável por uma final inédita: é a primeira vez em toda a história do BBB que os últimos participantes a deixar a casa são mulheres. Nas 14 edições, já saíram vencedoras Cida (BBB 4), Mara (BBB 6), Maria (BBB 11) e Fernanda (BBB 13).
Vanessa é defensora dos direitos dos animais
A modelo fitness Vanessa Mesquita faz 28 anos justamente neste 1º de abril. A paulista é ativista pelo direito dos animais, madrinha de uma ONG de protetores e participou da retirada dos cães da raça beagle do Instituto Royal, em São Roque/SP, no ano passado. Apaixonada por pets, tem oito cães e quatro gatos.
Perdeu o pai ainda criança, 15 dias antes de completar nove anos. Em vários momentos do programa, a modelo deixou claro que, além da sua causa, estava ali para dar orgulho para a mãe, dona Solange. O ativismo de Vanessa pelos animais foi o diferencial da sister na reta final para cativar o público. Com a grana do prêmio, pretende voltar a estudarMedicina Veterinária, construir uma clínica 24 horas para atender cães e gatos de graça e um sítio-abrigo.
Na casa do BBB, já na primeira festa protagonizou com Clara o primeiro beijo do programa. As duas, então, formaram o primeiro casal gay do reality global. Mais do que pegação, as sisters sempre foram amigas e companheiras. Uma sempre esteve ao lado da outra. Do início ao fim, sempre houve mútua defesa, embora nunca tenham combinado votos.
casal ClaNessa – como foi batizado pelos fãs – vivia cenas quentes, de ciúmes, em festas e de longas discussões, que, normalmente, terminavam com beijos. Também souberam se divertir e divertir os demais brothers. Costumavam esconder objetos em sapatos e roupões dos colegas. Por vezes, brincaram de assustar os colegas na madrugada. Tudo isso, arrebatou uma legião de fãs que criaram comunidades para ajudar Vanessa e Clara a permanecerem na casa até o final. A torcida ClaNessa foi a mais apaixonada desta edição do BBB e mostrou que realmente tinha muita força.
Logo no início do programa, Vanessa foi a três paredões e sofreu com certa rejeição na casa. Com atitude forte, não deixava passar em branco a ação dos colegas de confinamento que considerava errada. Também não deixava questões no ar. Quando descobria que algum brother havia falado algo sobre ela, ia tirar satisfações. Foi assim que brigou com os gaúchos Fran e Cássio. Com este, teve uma relação de amor e ódio – mais ódio do que amor, na verdade. Foi mandada ao paredão por ele e o colocou no paredão. Das finalistas, foi a que menos sorte teve no jogo. Além dos cinco paredões, só foi líder uma única vez e não ganhou prêmios de maior valor. Créditos ZH